Pesquisar este blog

TIMBÓ RADIO WEB

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Sorvete é Alimento e Pode ser Consumido o Ano Inteiro

Em países nórdicos, como Finlândia, Dinamarca e Noruega, o consumo per capita de sorvete fica em torno de 20 litros por ano. Na Argentina este consumo é de 5 litros e no Chile, de 6,5 litros. E os brasileiros, apesar de viverem num país tropical, consomem menos de 3 litros.
Isso porque existe uma mentalidade arraigada, no Brasil, de que sorvete somente deve ser consumido no verão. “As pessoas precisam desvincular o prazer de tomar sorvete somente aos dias de calor e sol. Esta atitude é, na verdade, uma limitação mental e não real, pois o tempo mais frio não impede ninguém de tomar sorvetes”, afirma Eduardo Weisberg, presidente da ABIS – Associação Brasileira das Indústrias de Sorvetes, entidade que representa os fabricantes de todo o país.

Eduardo Weisberg acredita que é preciso haver no Brasil uma mudança cultural e de paradigmas em torno do conceito de sorvete, que ainda não está incorporado na dieta cotidiana. “É preciso esclarecer o significado do sorvete como um alimento, que produz energia e gratificação”, completa.


SORVETE É MAIS QUE PRAZER
Empenhada em modificar esse conceito sazonal atrelado ao consumo do sorvete, a ABIS, aliada a nutricionistas, desenvolveu recentemente um estudo em que ficou comprovado que o sorvete é um alimento completo, contendo proteínas, açúcares, gordura vegetal e/ou animal, vitaminas, cálcio, fósforo e outros minerais essenciais numa nutrição balanceada.

Uma comparação com outros alimentos mostra que um sorvete possui menos calorias que um ovo frito ou um pão francês: enquanto 100 gramas de sorvete de creme possui 208 calorias, a mesma medida de pão francês tem 269 calorias e de ovo frito, 216.

O valor calórico dos sorvetes depende da sua composição, ou seja, das matérias primas utilizadas para sua fabricação. Um sorvete produzido com ovos ou leite fornecerá uma maior quantidade de proteína e gordura comparativamente a um sorvete que utiliza água. Por exemplo, em análises efetuadas a diversos sorvetes, verificou-se que 90 gramas de sorvete (peso médio por dose) podem fornecer entre 130 e 320kcal. Para estes valores contribuem principalmente o açúcar (25-59%) e a gordura (3-16%).

Os produtos à base de leite, como o sorvete, hoje são apontados como ingredientes funcionais, relacionados à saúde e são produtos de excelente qualidade nutricional e sensorial.Os sorvetes também são uma excelente fonte de cálcio, pois podem atingir 135mg/100g.

Isso é importante para as pessoas que por hábito, gosto ou intolerância à lactose, não ingerem os produtos lácteos na quantidade necessária. Em termos médios o consumo de 100g de sorvete contribui com cerca de 8 a 16% da dose diária recomendada de cálcio, um mineral essencial para a saúde de dentes e ossos, cujo consumo é importante tanto durante a infância e a adolescência, fases em que ocorrem os maiores ganhos de massa óssea como na vida adulta e maturidade, para manter essa estrutura óssea adquirida nas fases anteriores.

Os sorvetes associam prazer, conveniência, sabor, aspectos nutritivos e benefícios à saúde em uma boa medida. Em termos de conveniência e variedade, atendem todos os gostos e necessidades.

Fonte: ABIS
http://blog.totalfood.com.br/2006/06/14/sorvete-e-alimento-e-pode-ser-consumido-o-ano-inteiro/

Nenhum comentário:

Postar um comentário